Relatório da Microsoft de tendências sobre trabalho remoto.

Pentare - Consultoria em Tecnologia

 

Relatório da Microsoft de tendências sobre trabalho remoto.

Como os hábitos mundiais de reunião estão mudando durante a maior obrigatoriedade de trabalho de casa do mundo.

 

*Por Jared Spataro, vice-presidente corporativo para Microsoft 365

Enquanto escrevo isso, milhões de pessoas em todo o mundo estão se adaptando ao trabalho e aprendizado remotos em tempo integral. Trabalhar remotamente nesse contexto pode nos desafiar como seres humanos, pois estamos “programados” para conexão presencial. Aqui na Microsoft, há alguns anos, fizemos um estudo que pediu a 14.000 pessoas em sete países para nomear a forma de comunicação que as torna mais felizes. Não é surpresa que as reuniões presenciais sejam a número um, quando comparadas com email, bate-papo ou mensagens de texto em todas as gerações. Em um momento em que a reunião cara a cara é impossível, como continuamos a nos conectar?

Nas últimas semanas, nos inspiramos na maneira como nossos clientes estão se conectando durante reuniões no Microsoft Teams. Vimos  equipes apresentando stand-ups divertidos e colaboradores que compartilham atualizações de turno – passando por alunos e professores se conectando em salas de aula virtuais – a CEOs participando de sabatinas com milhares de funcionários, todos descobrimos novas maneiras de nos unir quando precisamos trabalhar e aprender separados.

Essa idéia se reflete no grande número de reuniões que acontecem no Microsoft Teams todos os dias. Vimos um novo recorde diário de 2,7 bilhões de minutos de reunião em um dia¹, um aumento de 200% em relação aos 900 milhões registrados no dia 16 de março. Com alunos e professores se voltando para o Teams como plataforma de ensino à distância, registramos 183.000 tenants em 175 países usando o Teams para Educação².

 

Para explorar as tendências em mudança no trabalho remoto e aprender mais, hoje estamos lançando o primeiro relatório do nosso novo Índice de Tendências de Trabalho. Através de pesquisas contínuas, exploraremos como o trabalho está mudando por meio de pesquisas e entrevistas, e analisando as tendências na maneira como as pessoas interagem com nossas ferramentas de produtividade.

Este primeiro relatório explora como as pessoas estão aprendendo a se conectar como uma equipe quando precisam trabalhar separadas. Nosso objetivo em compartilhar esses insights têm dois objetivos. Primeiro, ao proteger os dados pessoais e organizacionais, queremos ajudar nossos clientes a aprender com os pontos positivos e planejar o futuro. Segundo, pretendemos usar essas idéias para orientar a inovação em nossos produtos, para que possamos continuar a construir as melhores experiências possíveis.

 

Principais conclusões

À medida que o mundo trabalha com o Microsoft 365, pesquisa no Bing e se conecta no LinkedIn, ele cria trilhões de sinais – como emails, reuniões, pesquisas e postagens – que formam o Microsoft Graph, um dos maiores gráficos de interações humanas em ação no mundo. As tendências contidas nesses dados fornecem uma visão única dos padrões de produtividade do planeta.

A Microsoft leva a privacidade a sério. Removemos todos os dados pessoais e de identificação das organizações, como o nome de empresa, dos dados antes de usá-los para produzir relatórios. Nunca usamos conteúdo do cliente, como informações em um email, bate-papo, documento ou reunião para produzir relatórios. Nosso objetivo é descobrir e compartilhar tendências gerais do local de trabalho a partir de dados agregados do Microsoft Graph.

As pessoas estão encontrando uma conexão humana por meio do vídeo

Pesquisadores como a Dra. Fiona Kerr descobriram que o contato visual e a conexão física com outro humano aumentam a dopamina e diminuem o hormônio do estresse, cortisol. Sua pesquisa mostra que você pode até acalmar fisicamente alguém simplesmente olhando nos olhos dela. Assim, como o mundo trabalha remotamente, não é surpresa que as pessoas estejam ligando o vídeo nas reuniões do Teams duas vezes mais³ do que antes dessa fase de trabalho remoto em tempo integral. Também vimos o número total de videochamadas no Teams crescer mais de 1.000% no mês de março⁴.

Ao analisarmos os países com os usuários mais ativos do Teams, vimos pessoas na Noruega e na Holanda ativando o vídeo mais vezes, com cerca de 60% das chamadas incluindo o recurso. As pessoas na Austrália usam vídeo em 57% das reuniões, Itália 53%, Chile 52%, Suíça 51% e Espanha 49%. Enquanto isso, as pessoas no Reino Unido, Canadá e Suécia usam vídeo 47% das vezes e as pessoas no México e EUA 41% e 38%, respectivamente.

Quem não usa tanto o vídeo e por quê? As pessoas na Índia usam vídeo em 22% das reuniões, Cingapura 26%, África do Sul 36%, França 37% e Japão 39%. Isso pode ser atribuído em parte ao menor acesso a dispositivos e à estabilidade da Internet em algumas regiões, como Índia e África do Sul.

Fomos inspirados pela maneira como nossos clientes estão usando o vídeo para se conectar durante esse período. Por exemplo, o 2º Hospital Afiliado da Universidade Médica de Wenzhou, o maior hospital de Wenzhou, na China, implantou o Microsoft Teams para permitir que a equipe de saúde dentro da seção em quarentena do hospital se comunique com a equipe não em quarentena, permitindo uma coordenação segura do atendimento ao paciente enquanto garantindo a saúde e a segurança de sua força de trabalho.

 

 

Embora não haja substituto verdadeiro para a colaboração pessoal, estamos trabalhando mais do que nunca para inovar rapidamente para diminuir os pontos problemáticos, aumentar a conexão humana e tornar o trabalho um pouco mais divertido.

  • Planos de fundo personalizados, que permitem substituir seu fundo de tela nas reuniões do Teams por um escritório doméstico fresco e brilhante, por exemplo, agora estão disponíveis no Teams. Esse recurso se baseia no desfoque de fundo, que usa inteligência artificial (AI) para desfocar o ambiente atrás de você. No futuro, também incluiremos a capacidade de enviar suas próprias imagens personalizadas.
  • Para tornar as videochamadas mais inclusivas, o recurso de mão levantada que anunciamos no mês passado será lançado globalmente este mês. Permite que os participantes da reunião indiquem que têm algo a dizer durante uma reunião clicando em um ícone de levantamento de mãos na barra de controle da reunião.
  • Hoje, estamos liberando a capacidade de encerrar uma reunião para todos os participantes com o clique de um botão. Os organizadores da reunião agora podem encontrar uma opção para “encerrar a reunião” nas opções da barra de controle de reuniões.
  • Os organizadores das reuniões, especialmente os professores, geralmente precisam saber quem participou das reuniões das equipes. Neste mês, você poderá fazer o download de um relatório de participantes, encontrado na lista de participantes, que inclui horários de ingresso e saída para os participantes.
  • No final deste ano, apresentaremos a supressão de ruído em tempo real, que usa a IA para reduzir o ruído de fundo perturbador, como digitação alta ou cachorro latindo nas reuniões das equipes.

 

As pessoas estão adotando um horário de trabalho mais flexível

A produtividade é diferente para todos. As chamadas “cotovias” do mundo são mais produtivas pela manhã, enquanto as “corujas noturnas” são mais criativas e focadas à noite. Nossos dados mostram que um dia de trabalho mais flexível criado pelo trabalho remoto permite que as pessoas trabalhem quando é melhor para elas.

De 1 a 31 de março, o tempo médio entre o primeiro uso do Teams por uma pessoa e o último no mesmo dia aumentou em mais de uma hora. Esses dados não significam necessariamente que as pessoas estão trabalhando mais horas, e sim que estão quebrando esse dia de trabalho de forma a aumentar sua produtividade pessoal ou abrir espaço para atividades fora do trabalho.

Os países e indústrias mais impactados estão recorrendo ao celular para se conectar com sua equipe

Como as organizações pretendem continuar suas operações, observamos um aumento considerável no uso do Teams em dispositivos móveis, como telefones ou tablets. O número de usuários móveis semanais do Teams cresceu mais de 300% entre início de fevereiro e o dia 31 de março. A alta se deu em nossos clientes nos setores mais afetados pelo surto. Com 183.000 tenants em 175 países que usam o Teams for Education, vimos grande aumento no uso da plataforma em dispositivos móveis de clientes no ensino superior e no ensino fundamental e médio. Também vimos um aumento notável de clientes em setores relacionados ao governo.

Quando você considera isso da perspectiva da capacidade, não se trata apenas do número de novos usuários, mas da intensidade de uso a cada semana – o que chamamos de engajamento. O uso do Teams em dispositivos móveis aumentou exponencialmente em várias regiões mais impactadas pela crise, incluindo Holanda, Itália, Espanha e França.

Um exemplo de transição da escola para o aprendizado remoto é a Universidade de Durham, no nordeste da Inglaterra. As aulas precisavam ser online e a equipe precisava trabalhar remotamente para que a universidade pudesse continuar a servir seus alunos, acadêmicos e serviços profissionais durante o surto. Para responder efetivamente à crise em desenvolvimento, a Durham University ampliou o uso do Microsoft Teams para adicionar ao seu conjunto de ferramentas de aprendizado online, manter a comunidade e possibilitar a colaboração e a comunicação remota e segura no dispositivo que funciona melhor para seus alunos e funcionários.

Este momento mudará a maneira como trabalhamos e nos conectamos para sempre

As tendências nos dados e nas conversas com nossos clientes nos mostram que o mundo está percebendo que podemos nos conectar efetivamente através das distâncias de uma maneira que nunca imaginávamos possível. Por exemplo, apesar de alguns funcionários voltarem ao trabalho, ainda há mais de duas vezes o número de novos usuários de equipes por dia na China em comparação com o final de janeiro⁶. O número de usuários diários ativos do Teams na China também continua a crescer semana após semana. Também podemos aprender com os clientes que mostram que é possível continuar sua missão enquanto forçados a trabalhar separados.

Por exemplo, a Mercy Housing, uma organização sem fins lucrativos comprometida com a criação de opções de habitação a preços acessíveis, implementou a tecnologia, incluindo Microsoft Teams, para manter dar continuidade ao trabalho diante do COVID-19. “A capacidade de realizar reuniões virtuais e colaborar com documentos em um único local foi fundamental, pois muitos dos nossos 1.600 funcionários passaram a trabalhar remotamente praticamente da noite para o dia. Em alguns casos, nossa equipe de serviços está explorando o uso de videoconferências do Teams para manter uma conexão humana com nossos residentes, o que é muito importante para apoiar o bem-estar mental e emocional em um momento como esse. Esse trabalho remoto em equipe nos permitiu ajudar nossos 45.000 residentes vulneráveis a ficar em suas casas ”, conta Gunnar Tande, CIO e vice-presidente sênior de tecnologia e estratégia da Mercy Housing.

Mesmo diante da pandemia do COVID-19, o Exército da Salvação continua seus esforços para atender às necessidades daqueles a quem serve, incluindo abrigar os sem-teto e alimentar os famintos. Tim Schaal, diretor de tecnologia da informação do Território Ocidental dos Estados Unidos do Exército da Salvação, observou que, apesar da rápida transição para o trabalho remoto para milhares de funcionários, “o Microsoft Teams nos permitiu continuar prestando assistência crítica em cidades e vilas, grandes e pequenas, em todos os treze estados ocidentais”.

 

Ficamos muito felizes ao ver que nossa tecnologia está ajudando essas organizações a continuar seu importante trabalho. Na Microsoft, nossa missão é capacitar todos os indivíduos e organizações do planeta para alcançar mais. E em um momento como este, quando todos estamos nos adaptando a uma nova normalidade, nunca foi tão importante ajudar a conectar mais pessoas e manter mais organizações em funcionamento com ferramentas seguras. Embora a maneira como trabalhamos tenha mudado, nossos clientes nos mostram todos os dias que nosso desejo de conectar um ao outro é muitas vezes mais forte do que as circunstâncias que nos separam.

¹ 2,7 bilhões de minutos de reunião com experiência no Teams em 31 de março de 2020.
² Os tenants geralmente representam distritos escolares com dezenas ou centenas de escolas.
³ A proporção de chamadas e reuniões semanais com vídeo aumentou de 21% para 43%, de 2 a 31 de março.
⁴ Data reflete o aumento no total de videochamadas semanais nas equipes de 2 a 31 de março.
⁵ Data reflete as horas semanais dos vídeos enviados de 1 a 28 de março.
⁶ Os dados refletem o aumento da semana passada em janeiro para a terceira semana de março.

Fonte: https://bit.ly/39MiAU9

Foto: Shutterstock


Conheça o Dynamics 365 e veja o que há de mais moderno quando falamos de sistemas de gestão empresarial, o CRM (Customer Relationship Management) e ERP (Enterprise Resourcing Planning).

O Dynamics 365 é a suíte de aplicativos de negócios em nuvem da Microsoft que combina funcionalidades de marketing, automação de vendas, atendimento a clientes, operações, serviços de campo e automação de projeto.

Com o melhor da tecnologia, como Machine Learning, IoT, Business Inteligence, o Dynamics 365 combina análises avançadas e preditivas e fornece valiosos insights que são peças fundamentais para melhorar a gestão da sua empresa.

 

 

Compartilhe: